Notícias

USCS conta com novo simulador 3D para aulas de medicina

As aulas de anatomia da USCS contam recentemente com uma nova tecnologia para uso, inicialmente, no curso de medicina. Trata-se de um simulador 3D que busca substituir a utilização de cadáveres em aulas de anatomia e em estudos clínicos, hospitalares e laboratoriais. Dos 250 cursos de medicina do país, 20 deles, incluindo a USCS, já utilizam a nova tecnologia.

O equipamento recebe imagens tomográficas que são introduzidas no sistema, então convertidas em 3D e transmitidas para a tela. São cerca de 5.000 imagens de estruturas anatômicas, incluindo todos os órgãos e sistemas do corpo masculino e feminino. Por meio de comandos na tela via “touch”, é possível a aproximação de cada estrutura, recorte, visualização dos mais diversos ângulos e através de filtros se visualiza a parte muscular, óssea e circulatória (em exames utilizando constraste).

A origem do equipamento é de uma startup brasileira, a Csanmek que se inspirou no que já existe no exterior para desenvolvê-lo. Segundo Cláudio Santana, fundador da empresa fabricante, o equipamento possibilita que o aluno conheça a fundo a anatomia do corpo que será estudado, atuando de forma mais assertiva. “O equipamento possibilita a visualização e impressão de cada passo de uma cirurgia, por exemplo, fazendo com que simule passo a passo, com maior assertividade”.

Veja a matéria divulgada hoje, no programa Fala Brasil, da Rede Record, sobre a sua utilização na USCS.