Notícias

Unimais retoma as atividades no campus Barcelona

Fotos: Ana Paula Lazari

A Unimais, Universidade Aberta da Terceira Idade, retomou as atividades após 2 anos e meio sem aulas devido à pandemia.

O primeiro encontro entre alunos e professores aconteceu no dia 2/8/22 (terça-feira). Houve uma aula magna e a apresentação da nova diretora, Rosamaria Rodrigues Garcia, que também é Gestora do “Programa de Mestrado Profissional de Ensino em Saúde” da USCS.

“Os alunos estão muito ansiosos, felizes e empolgados com esse retorno. Esses 2 anos e meio de ausência trouxeram muitos casos de depressão, de isolamento social, desistência, desânimo, muitos alunos se desmotivaram em voltar a praticar atividades físicas-culturais. Então esse retorno é muito significativo, pois além da Unimais ter a função de trazer conhecimento pra eles, ela tem a função importantíssima de oferecer convivência e socialização. Mais importante do que aprender alguma coisa é estar aqui, é conversar, conviver, se relacionar com outras pessoas, conhecer outros colegas, programar viagens e atividades, dentro e fora daqui…Tanto que eles falam que são uma família, a ‘família Unimais’, então é muito importante pra eles esse espaço onde eles possam conviver e aprender”, explica Rosamaria.

Rosamaria, à direita, de rosa, e os professores da Unimais neste semestre

O casal Doraci Ap. Gonçalves da Silva e Antônio Alberto, juntos há 52 anos, são alunos “calouros” na Unimais. Ficaram sabendo do projeto por indicação de familiares e amigos e se informaram pelo site da Prefeitura de São Caetano. Com as aulas, eles esperam conhecer novas pessoas, fazer novas amizades e ter mais conhecimento. “Adoramos a aula magna, foi uma bela lição e um bom começo”, conta Antônio. “Agora já estamos aguardando a próxima aula, na quinta-feira, que é quando vão dividir as turmas”, comenta Doraci.

As aulas da Unimais acontecem nas tardes de terças e quintas, no campus Barcelona da USCS. Cerca de 250 alunos estão inscritos pra este semestre. Parte deles se forma no final do ano, já que é a turma que parou os estudos por conta da pandemia.

Para Fernando Ferrari, professor da Unimais desde 2014, esse retorno chega a ser emocionante: “Eu estava aqui no dia que tudo parou e agora estou tendo o privilégio de estar aqui quando tudo está voltando. Achei que a gente fosse até ficar um pouquinho mais contido em relação a sentimentos, mas foi muito maior e não dá pra resistir: abraça-los, beijá-los, ter a oportunidade de voltar é muito interessante, é arrepiante, uma satisfação…” (Neste momento, sem perceber a entrevista, um aluno “veterano” interrompe o professor para lhe dar um abraço e falar da alegria que é estar de volta).

“Nós enquanto professores aprendemos muito mais do que eles pensam que a gente está ensinando. É uma via de mão dupla que eu chego a dizer que é muito mais pra nós do que pra eles. É muito legal voltar e a expectativa está bem alta, tanto da parte deles, quanto da nossa. Os professores estão muito empenhados em fazer um bom trabalho. Mesmo aqueles que não tiveram aquela experiência anterior foram contagiados por essa energia, a importância que a Unimais tem pra vida e pro conhecimento”, explica Fernando.

“É como eu dizia quando fazia uma atividade de criatividade com eles: ‘Criar ativa a idade’, então não importa a idade. Com a cabeça ativa, a gente vai longe, e uma prova disso é a Unimais”, conclui o professor da disciplina “Escrita Criativa – Sua história daria um livro”.