Notícias

Entrevista com os ganhadores do Desafio de Redação 2021

No início do mês de novembro, foi divulgada a relação dos vencedores da 15ª edição do Desafio de Redação, concurso literário promovido pelo Diário e pela USCS.
A vencedora do concurso, que terá direito a uma bolsa de estudos em graduação na USCS é a aluna do Sesi de São Bernardo do Campo-SP, Lívia Farias Cassemiro, de 18 anos.
Além disso, na categoria “Membros da comunidade do Grande ABC  com curso superior”, o autor da melhor redação foi premiado com uma bolsa para pós-graduação em um dos cursos lato sensu da Universidade (conforme regras do edital). O vencedor na categoria foi Mauro José de Araújo, da cidade de Mauá-SP.

Confira abaixo a entrevista concedida pelos ganhadores das bolsas na Universidade:

LÍVIA FARIAS CASSEMIRO 

1. Como foi para você participar do Desafio de Redação?
Na escola em que eu estudo temos um projeto de preparação para realizar a redação do ENEM. Nele alguns alunos corrigem a redação dos outros e eu acabei me propondo para ser uma destas “tutoras”. Como primeira redação, a minha professora de português trouxe o Desafio da Redação para a sala de aula e, junto com os alunos, ela discutiu sobre a proposta, falando desde a atualidade do tema até os problemas que a ciência está enfrentando. Além da obrigação de escrever por ser tutora, eu me senti incentivada a fazer a redação devido a importância do tema e também pela possibilidade de ganhar um prêmio ou até mesmo uma bolsa na faculdade.

2. Qual a importância do tema “A Ciência Como a Luz na Escuridão” para você?
Na minha opinião, esse é um tema que, independentemente da situação, deve ser discutido sempre, principalmente pela importância que a ciência teve ao longo da nossa história. Agora, torna-se ainda mais urgente falar sobre essa área devido ao descrédito das pessoas sobre ela, principalmente numa situação em que a única solução para os nossos problemas será fornecida pela própria ciência. Além disso, tem a falta de investimentos por parte das autoridades nas áreas relacionadas à ciência, o que faz com que a sociedade perca profissionais e os impeça de realizar descobertas e desenvolver tecnologias que beneficiam a todos.

3. Como se sente sendo a ganhadora dentre os mais de 6 mil textos inscritos?
Me senti muito surpresa quando eu recebi o e-mail falando que eu tinha sido uma das finalistas, já que eu não acreditava que seria possível ganhar qualquer um dos prêmios e acreditava ainda menos em ganhar a bolsa de estudos. Hoje, eu me sinto muito contente e realizada por toda a minha dedicação e meus esforços terem valido a pena.

4. Qual área tem interesse em cursar na USCS? E como 2ª opção?
Inicialmente, o meu interesse era cursar Artes Visuais, porque desde pequena eu gostei de desenhar. Porém eu conheci o Design que ainda envolve desenho, mas está mais voltado para o mercado de trabalho. Portanto, Arquitetura e Urbanismo seria a minha segunda opção, já que ainda está relacionado com desenho, porém menos.

5. Para você, qual a importância de cursar uma graduação? Quais oportunidades ela pode te proporcionar (pessoais e profissionais)?
Em relação às oportunidades profissionais, em um mercado onde faltam profissionais qualificados, ter um diploma ajuda a conseguir um bom emprego e a subir de cargo. Pessoalmente, cursar uma graduação permite que ampliemos nossa visão de mundo ao aprender coisas novas e ao trocar experiências com pessoas diferentes e experientes na área.

6. Quer deixar mais alguma informação ou mensagem aos leitores? Fique à vontade 😉
Eu acredito que quando surgem oportunidades, nós temos sempre que tentar, mesmo quando não acreditamos em nós mesmos. Nunca saberemos do que somos capazes até tentarmos e conseguirmos.

MAURO  JOSÉ DE ARAÚJO

1. Como foi para você participar do Desafio de Redação?
Uma honra! Sempre fui um admirador da iniciativa. O tema escolhido para este ano, “A ciência como luz na escuridão”, foi “provocador”. O país é carente de ações que fomentem atividades voltadas à educação. Todos os envolvidos estão de parabéns!
Acredito na educação como ferramenta poderosa de transformação de nossa sociedade. Mais participativa e cidadã. E que venham novas ações!

2. Conte um pouco para nós qual a sua ligação com a USCS.
Minha relação com a USCS é forte e afetiva. Quando ainda era o IMES, lá conheci a Mônica, com quem viria a me casar anos depois. Fomos estudantes de “Comércio Exterior” na mesma classe.  Fernando, nosso então professor de inglês, e dois colegas de turma, Celso e Simone, tornaram—se nossos padrinhos de casamento.
Mais recentemente, nossa filha, Marielle Rojas, formou-se em Jornalismo, também na USCS. Hoje ela trabalha na equipe de jornalismo esportivo do SBT.

3. Como se sente sendo o ganhador dentre todos os textos inscritos?
Feliz, é claro! Grato aos examinadores que escolheram meu texto!

4. Qual a sua área de interesse para cursar a sua pós-graduação? Já escolheu o curso? Se sim, qual?
Curso de interesse? Hoje o que me moveria a voltar a uma sala de aula, seria algo voltado à educação. Entre os cursos oferecidos pelo regulamento, procurarei optar por aquele que me traga prazer, e me agregue conhecimento para compartilhar depois. Quem sabe lecionando?

5. Tem interesse em mais algum curso dentre os oferecidos pela USCS?
Adoraria ter feito Educação Física! Sonho de menino! “Todo menino é um rei! Eu também já fui rei!”

6. Pra você, qual a importância de cursar uma pós-graduação? Quais oportunidades ela pode te proporcionar (pessoais e profissionais)?
Imprescindível! Hoje o mercado de trabalho, em qualquer área de atividade, exige atualização e aperfeiçoamento. As novas tecnologias potencializaram essa necessidade.

7. Quer deixar mais alguma informação ou mensagem aos leitores? Fique à vontade 😉
Gostaria de me dirigir ao jovem que nos lê nesse momento, e que tem dúvidas. Dúvida se deve cursar uma universidade e/ou que curso seguir. Questionamentos comuns aos jovens, e que também foram meus:
Antes de mais nada, opte por fazer algo que te faça feliz! Trabalhar com algo que se gosta, e ser remunerado por isso, é unir o prazer a necessidade. Esse é o melhor dos mundos!
Escolha uma boa universidade. Ainda há várias. A USCS é uma delas.
E por fim, saiba que cursar uma universidade, sempre terá valido a pena. Seja pelo conhecimento adquirido, seja convivência em um ambiente acadêmico.
Se o curso, eventualmente não lhe agradar, o que é muito recorrente, simplesmente, troque de curso. Faz parte do autoconhecimento. E lembre-se: A educação transforma, nos faz pessoas melhores, e inclusive, pode nos ajudar a pagar nossos boletos!
Boa sorte a todos!
 

Veja a relação total de ganhadores:

A edição de 2021 contou com mais de 6 mil redações inscritas por alunos dos sete municípios do Grande ABC. Todo o processo ocorreu de forma on-line. Além das bolsas de estudos, o concurso premiou vencedores também com notebooks, televisões e tablets.