Notícias

O Espetáculo Teatral ‘A Felicidade Segundo Os Felizes’ estreia em São Paulo

Depois de cumprir temporada de grande sucesso em São Caetano do Sul, a Cia Grite de Teatro/USCS inicia na próxima quarta-feira, 1/11, uma curta temporada no TOP Teatro, em São Paulo

O espetáculo teatral da Cia Grite de Teatro/USCS, ‘A FELICIDADE SEGUNDO OS FELIZES’, depois de uma temporada de grande sucesso em São Caetano, segue para uma curta temporada na cidade de São Paulo. A nova casa do trabalho é o TOP Teatro (Rua Rui Barbosa, 201, Bela Vista – SP). As apresentações acontecerão em todas as quartas-feiras de novembro, às 21h (à exceção do dia 8/11 que não haverá espetáculo).  

‘A FELICIDADE SEGUNDO OS FELIZES’ é um espetáculo solo composto por quatro quadros, 18 histórias, memórias, imagens e rápidos recortes cotidianos que passeiam por temas como o amor, a morte, a felicidade, os sonhos, o futuro, a arte – essas pequenas grandes coisas que tomam nossas almas cotidianamente. A felicidade, durante os 60 minutos de espetáculo, precisará conviver e se confrontar com todas as outras emoções.

A construção da dramaturgia original se utiliza de poesia para tratar de assuntos cotidianos e de humor para falar de coisas dolorosas. Ela se mantém na medida entre a comédia, o drama e a poesia, para falar deste tempo em que vivemos.

Nesse jogo, o espetáculo brinca com a percepção do comportamento da maioria de nós na pós-modernidade. Vivemos numa eterna busca de mostrar uma imagem inabalável de felicidade, negando as tristezas, as dores, e todas as outras emoções puramente humanas. Por conta desse maniqueísmo de comportamento, o autor, num diálogo direto com Eduardo Galeano, por meio de ‘O Livro dos Abraços’, e com algumas poesias de ‘O Livro das Ignoranças’, de Manoel de Barros, constrói novos textos para montar um panorama pós-moderno de nossas emoções (memórias dele, quase pessoais, que se tornam memórias de todos nós).

 ‘Propomos um mosaico de memórias, de narrativas que servem como meio para o espectador acessar variadas emoções particulares. Caberá ao espectador montar o quebra-cabeça dessas emoções todas. É um jogo entre o texto, o ator e os espectadores’, afirma o autor e ator Kleber di Lázzare.

 

 FICHA TÉCNICA:

Texto e Interpretação: Kleber di Lázzare;  Direção: Guilherme Delazzari;  Música Original e Pesquisa Musical: Carlos Sanmartin; Cenografia: Escritório de IdeiasPaula Venâncio e Claudia Monteiro; Figurinos: Marina Moll; Maquiagem: Louise Helène;  Iluminação: Kleber di Lázzare; Fotografias: Gabriel Ivanoff; Arte Gráfica: Carlos Sanmartin; Produção Executiva: Marina Rodrigues; Direção de Produção: Flávia Mian.

 

SERVIÇO:

Gênero: Poema Épico Cênico| Duração: 60 minutos| Indicação Etária: 12 anos

TOP Teatro – rua: Rui Barbosa, 201, Bela Vista – SP

Dias: 1, 15 e 22 de novembro de 2017. Quartas-feiras, às 21h.

Ingressos: R$40,00 (inteira) e R$20,00 (estudantes e maiores de 60 anos)

 

Mais informações: Kleber di Lázzare (11) 97141 9193