Notícias

Alunos de Medicina do campus São Paulo realizam ação social dia 20/10

Colaboração de Thais Ruegger Jarrouge Bouças

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), “saúde é o estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença”. Assumido o conceito da OMS, nenhum ser humano (ou população) será totalmente saudável ou totalmente doente. Ao longo de sua existência, viverá condições de saúde/doença, de acordo com suas potencialidades, suas condições de vida e sua interação com elas.

Segundo estimativas da OMS, a cada ano, pelo menos:
 7,0 milhões de pessoas morrem em decorrência do consumo de tabaco;
 3,2 milhões de pessoas morrem como consequência de estarem acima do peso ou serem obesas;
 4,4 milhões de pessoas morrem em decorrência dos níveis elevados de colesterol;
 9,4 milhões de pessoas morrem devido à hipertensão arterial.

As Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) como cardiovasculares, câncer, diabetes, cirrose hepática, pulmonares obstrutivas crônicas e transtornos mentais constituem importantes problemas de saúde pública, apesar de serem preveníveis.
Pequenas mudanças nos fatores de risco em indivíduos que estão em vulnerabilidade moderada podem ter um enorme impacto em termos de morte e incapacidade. Caso esses fatores de risco fossem eliminados por meio de mudanças no estilo de vida, pelo menos 80% de todas as doenças do coração, dos derrames e do diabetes do tipo 2 poderiam ser evitadas. Além disso, mais de 40% dos cânceres poderiam ser prevenidos.

Nesse sentido, torna-se imprescindível abordar nos programas de promoção da saúde e prevenção de riscos e doenças, temas que discutam a importância de alimentação saudável, da atividade física regular e da redução de fumo e álcool e na melhora do estilo de vida, como fatores predominantes de proteção à saúde.

Por isso, os alunos de Medicina da USCS – Campus Bela Vista (SP), em uma atividade única e de responsabilidade social, vão oferecer o “DIA D – USCS/ACHIROPITA SAÚDE E BEM ESTAR”. A ação será voltada para saúde e bem-estar da população vulnerável que frequenta o bairro Bela Vista.

Paróquia Nossa Senhora da Achiropita – Rua Treze de Maio, 478 – Bela Vista, São Paulo 
20 de outubro de 2018
Das 9h às 13h

Serão prestados serviços por meio de diferentes ações desenvolvidas por docentes e discentes da USCS, voluntários do Clube Lions e outros parceiros. As atividades propostas são:

1. Criança e Alegria
O riso é uma das principais expressões utilizadas na comunicação social. Causa bem-estar e conecta pessoas desviando-as de situações de estresse e dificuldades cotidianas. O Grupo Bela Alegria, em parceria com os estudantes do Curso de Medicina, irá desenvolver atividades lúdicas dentro do perfil de aprendizagem de cada grupo etário que participará do projeto social:
 Teatro;
 Gincanas;
 Danças;
 Pintura Facial;
 Escultura com balões;
 Entrega de brinquedos em comemoração ao Dia das Crianças.

2. Saúde e Check-up
O Check-up é uma ação que tem por objetivo avaliar a saúde de um indivíduo e auxiliar na prevenção de doenças. Nesta atividade serão realizadas as seguintes avaliações e orientações:

 Testes Rápidos:
 Avaliação do sistema cardiovascular: frequência cardíaca, pressão arterial e oxigenação sanguínea (Saturação de oxigênio);
 Glicemia, em parceria com a Associação Nacional de Atenção ao Diabetes (Anad) e o Centro de Pesquisa Clínica (Cpclin). Estas parcerias são importantes, pois farão o acompanhamento e encaminhamento dos pacientes portadores da doença aos serviços de saúde especializados;
 Avaliação da composição corporal e estado nutricional para auxiliar na avaliação do risco de desenvolvimento de Doenças Cardiovasculares, Diabetes e entre outras doenças metabólicas.

 Orientações:
 Primeiros socorros;
 Como manter uma nutrição saudável nos dias de hoje;
 Prevenção de quedas em idosos;
 Orientações específicas sobre saúde do homem e da mulher.

3. DST e Hepatite C
As Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) ou Infecções sexualmente transmissíveis (IST) são causadas por mais de 30 agentes etiológicos (vírus, bactérias, fungos e protozoários) sendo transmitidas, principalmente, por contato sexual, da mãe para a criança durante a gestação, o parto ou a amamentação e, de forma eventual, por via sanguínea. A falta de diagnóstico precoce e de ações na promoção da saúde justificam o cenário epidemiológico das hepatites virais. Por isso, serão oferecidas as seguintes ações:

 Testes Rápidos:
 Teste rápido de Hepatite C em parceria com Associação de Pacientes Portadores de Hepatite (ABPH). Esta parceria será importante, pois a Associação irá acompanhar e realizar o encaminhamento dos pacientes portadores da doença aos serviços de saúde especializados.
 Orientações para prevenção de DSTs e Hepatite C.

4. Saúde da Mulher e do Homem (Outubro Rosa e Novembro Azul)
A prevenção do câncer depende de medidas para reduzir ou evitar a exposição aos seus fatores de risco. Esse é o nível mais abrangente das ações de controle das doenças.
De modo geral, sabe-se que, quanto antes o câncer for detectado e tratado, mais efetivo o tratamento tende a ser, maior a possibilidade de cura e melhor será a qualidade de vida do paciente. O Programa Nacional para o Controle do Câncer da OMS (2002) recomenda que todos os países promovam uma conscientização para os sinais de alerta que alguns tipos de cânceres são capazes de apresentar. A prevenção e a detecção precoce são as melhores armas para o controle do câncer.

5. Hora do Lanche
A Hora do Lanche será mais um momento educativo, pois proporcionará um convívio social entre docentes, discentes, voluntários e comunidade. O Clube Lions irá oferecer 500 lanches a serem entregues durante toda a ação.
Promover discussões de alimentação saudável, riscos e benefícios, com ênfase na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis como: Obesidade, Diabetes, Hipertensão e Doenças Cardiovasculares (Infarto e AVE), fará com que o “Dia D” atue de diferentes formas cumprindo com seu objetivo de transformação social.