Notícias

Aluno da USCS produz releitura do logotipo da universidade

Com colaboração de Luciano Cruz

Danilo Toledo, aluno do segundo semestre do curso de Publicidade e Propaganda, da Escola da Indústria Criativa, recriou o primeiro logotipo da USCS, em homenagem aos 50 anos da Universidade. Danilo se inspirou no modelo criado em 1974, também por um aluno da instituição, que naquela época ainda denominava-se IMES (Instituto Municipal de ensino superior de São Caetano do Sul).

Confira, abaixo, uma rápida entrevista que fizemos com Danilo:

USCS Notícias: Você é um aluno de segundo semestre. Qual foi o incentivo para ir atrás da história da Universidade e apresentar esse trabalho?

Danilo Toledo: Eu estava fazendo a capa do Projeto Integrado (PI), cujo tema era Cultura de Games e, na hora em que eu fui fazer a capa, fiquei com vontade de apresentar algo mais estilizado. Eu iria colocar o logo da Universidade de um jeito mais vintage e, por isso, fui pesquisar mais sobre a história da instituição. Foi então que encontrei o primeiro logo e achei ele bem bacana. Trabalhei em cima dele, fiz uma defesa da minha proposta e mandei para o professor Leandro Novi, gestor do nosso curso de Publicidade.

 

UN: E quando você fez sua pesquisa, soube que quem criou aquele primeiro logo também era um aluno da casa?

DT: Sim. Aliás, fiz menção disso na defesa do modelo que apresentei. Pensei: pôxa, lá atrás, em 1974, um aluno fez um logo que, por muito tempo, representou a instituição. Seria bacana, agora no cinquentenário, relembrar isso por meio do trabalho de um outro aluno.

 

UN: Fale um pouco sobre seu interesse pela área de Publicidade e Propaganda e quais os seus objetivos de carreira.

DT: No Ensino Médio eu já fiz o técnico em PP, na EME Profa. Alcina Dantas Feijão.  Eu  já trabalho na área e quero ser Diretor de Arte de agência de Publicidade, quero trabalhar com campanha mesmo, desenvolver um posicionamento…é a área que mais me encanta.

 

UN: Quais são as referências na sua área? O que está sendo feito atualmente que tem chamado a sua atenção?

DT: Atualmente, quem está destruindo são as marcas que estão surgindo agora, como Uber, iFood, Rappi, Yellow, porque elas vêm com um comunicação totalmente digital e nova, e o meio que elas fazem essa abordagem é bem inteligente, e não é aquela coisa maçante de “olha a minha marca” “agora me compre”. É algo que leva uma questão de sintonizar o leitor, o consumidor no mundo da marca, e a partir disso vai gerando um lifestyle de posicionar o seu consumidor em um meio para que ele consuma.

 

UN: Para finalizar, que dicas você daria para quem gostaria de fazer o curso de PP na USCS?

DT: Eu quero que todos saibam que aqui na USCS temos estúdios, equipamentos, enfim, uma infraestrutura bacana, mas que tão importante quanto isso é a iniciativa. Então, é preciso que o aluno tenha vontade de entrar na Universidade e explorar todas as possibilidades que se abrem.